• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







Todos os Vinhos Provados no Blog Os Vinhos (4220)
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos (3483)

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

3432 - Penfolds Bin 28 Kalimna Shiraz 2010 (Tinto)



Região: Austrália
Castas: Shiraz
Produtor: Penfolds Wines
Preço: Entre 25€ e 50€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Peter Gago
Notas de Prova: Cor rubi profunda e concentrada, o nariz apresenta-se cheio de aromas de fruta negra, ameixas, cerejas e amoras, misturados com delicadas notas florais, minerais e algum café, num fundo dominado pelas especiarias e pela barrica, muito elegante, na boca é um vinho denso, estruturado, encorpado e volumoso, revela uns taninos firmes mas sedutores e um paladar rico em fruta madura, notas de chocolate e pimenta entre outras especiarias, o final de boca é prolongado e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Fevereiro 2014

Rótulo: Penfolds Bin 28 helps define the proven synergy between rich South Australian Shiraz and well integrated American oak derived from 12 months barrel maturation. It is Penfolds' oldest Bin wine. As with all Bin 28 wines , this wine will benefit from careful cellaring. We invite you to explore the Penfolds range and discover a success story more than 165 years old. Penfolds wines are establisehd 1844. The Penfolds Bin collection of wines began at 1959, part of a modern era of Penfolds innovation that has resulted in a diverse family of wine with ageless appeal. Each Bin wine bears the distinctive Penfolds quality stamp whilst exhibiting a unique styleof its own.

Etiquetas: , , , , ,

Apresentação dos Vinhos da Quinta do Javali no Restaurante O Talho (Jun/2014)


No passado dia 03/06/2014 no Restaurante O Talho em Lisboa, teve lugar a Apresentação dos vinhos do Produtor Quinta do Javali da região do Douro, através da organização e convite de Rui Lourenço Pereira, responsável da Distribuidora QWG Unipessoal, Lda.
Esta prova foi efectuada com a apresentação de 12 vinhos, 7 tintos e 5 portos.


Prova comentada pelo Produtor/Enólogo António Mendes e Rui Lourenço Pereira, responsável da Distribuidora QWG Unipessoal, Lda.

Quinta dos Lobatos 2013 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Touriga Franca e Tinta Barroca
Produtor: Sociedade Agrícola Quinta do Javali, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Cor rubi intensa e de forte tonalidade avioletada, o nariz revela exuberantes aromas de frutos do bosque, misturados com delicadas notas florais e também vegetais, na boca é um vinho jovem e com alguma estrutura, de taninos firmes e com um paladar muito frutado e delicadamente especiado, o final de boca tem um comprimento e uma persistência de expressão média.
Classificação Pessoal: 15.5
Quinta do Javali Reserva 2011 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz; Touriga Franca, Touriga Nacional e Tinto Cão
Produtor: Sociedade Agrícola Quinta do Javali, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi muito concentrada e um nariz rico em fruta vermelha madura, notas florais, algumas especiarias e ainda um delicado toque tostado do estágio em barrica, na boca é um vinho encorpado, com taninos presentes mas nada pesados, no paladar evidencia-se a fruta preta, bem como delicadas notas tostadas e achocolatadas, termina com um final de boca prolongado.
Classificação Pessoal: 16.5
Quinta do Javali Old Vines 2011 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola Quinta do Javali, Lda
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Cor intensa e nariz muito elegante, onde os aromas de fruta bem madura casam na perfeição com as notas florais, com um ligeiro toque de vegetal seco e subtis apontamentos apimentados, com a barrica de grande qualidade a conferir uma excelente complexidade ao conjunto, apesar de ainda ser notória toda a sua juventude, no paladar é um vinho cheio, profundo e harmonioso, com uma estrutura bem presente e um paladar rico em fruta negra e especiarias, bem como uma forte componente vegetal envolvida com elegantes notas de barrica, o final de boca é muito longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17.5
Quinta do Javali Touriga Nacional 2011 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Quinta do Javali
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi/avioletada e um nariz onde rapidamente sobressaem os aromas florais, nomeadamente violetas, bem como notas de baunilha e evidentes sugestões de tosta vindas do estágio em barrica, agradavelmente secundadas pela fruta vermelha madura e por um ligeiro toque vegetal, na boca é um vinho muito fresco e elegante, além de complexo e volumoso, conta com um paladar rico em fruta madura e sugestivas notas vegetais, com a madeira a revelar uma excelente integração com a fruta vermelha madura, o final de boca é prolongado.
Classificação Pessoal: 17
Quinta do Javali Touriga Nacional 2012 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Sociedade Agrícola Quinta do Javali, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Apresenta uma cor densa e muito concentrada, de tonalidade violácea, no nariz destacam-se os frescos aromas florais, ricos em violetas, misturados com breves sugestões vegetais e de fruta preta, num fundo mais especiado e onde a barrica está claramente em evidência, na boca é um vinho encorpado mas ao mesmo tempo fino, com taninos firmes e uma complexidade elevada, no paladar é a fruta negra e as subtis nuances vegetais que dominam, apesar da madeira também estar bem presente, o final de boca é longo e persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Quinta do Javali Special Cuvée 2012 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas, Touriga Nacional e Tinta Roriz
Produtor: Sociedade Agrícola Quinta do Javali, Lda
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Apresenta uma cor praticamente opaca e um nariz sedutor, onde elegantes notas florais e sugestivos aromas de fruta preta se misturam com delicadas sensações balsâmicas e de barrica, diversas especiarias e ainda um leve toque vegetal seco, na boca é um vinho envolvente, volumoso e complexo, com taninos sedosos e um paladar cheio de fruta negra, notas vegetais e florais, pimenta e um leve apontamento balsâmico, num fundo dominado pela barrica, de grande qualidade e muito bem integrada com o conjunto, o final de boca revela um comprimento e uma persistência simplesmente notáveis.
Classificação Pessoal: 18
Quinta do Javali Old Vines 2010 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Touriga Franca, Tinto Cão, Touriga Nacional e Vinhas Velhas
Produtor: Quinta do Javali
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Cor rubi muito carregada no centro e uma delicada auréola de tonalidade violeta, no nariz destacam-se os aromas de fruta negra e diversas especiarias, envolvidas com evidentes mas elegantes notas de barrica e delicadas sugestões florais e até balsâmicas, na boca é um vinho intenso, com taninos firmes e um volume alto, revela um paladar rico em fruta muito madura e notas de barrica, além de uma certa mineralidade e sugestivas nuances vegetais e de especiarias, o final de boca é longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17
Quinta do Javali 20 Anos (Porto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Touriga Franca, Tinta Barroca, Tinto Cão e Touriga Nacional
Produtor: Quinta do Javali
Álcool: 20%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Apresenta uma cor âmbar muito bonita com delicados apontamentos esverdeados e acastanhados, o nariz revela elegância e fineza, muito bem preenchido por aromas de frutos secos, especialmente nozes, notas de caramelo e delicadas nuances meladas, na boca é um vinho cheio, com uma textura sedosa e um volume imenso, conta com um paladar untuoso, rico em frutos secos e notas de mel, além de um leve toque caramelizado, o final de boca é longo e de enorme persistência.
Classificação Pessoal: 17.5
Quinta do Javali LBV 2007 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Touriga Franca, Touriga Nacional e Tinto Cão
Produtor: Quinta do Javali
Álcool: 19.5%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Cor rubi/avermelhada de forte intensidade, o nariz apresenta aromas de fruta vermelha e notas florais envolvidas por um leve toque achocolatado e especiado, na boca é um vinho equilibrado e fresco, com taninos bem presentes e um paladar rico em sugestões de fruta preta e notas de madeira bem presentes, além de sugestivas nuances de especiarias, o final de boca é prolongado.
Classificação Pessoal: 17
Quinta do Javali LBV 2008 (Porto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Touriga Franca, Touriga Nacional e Tinto Cão.
Produtor: Quinta do Javali
Álcool: 20%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Cor rubi intensa, quase opaca, no nariz o destaque vai para o fulgor da fruta madura, aliada a breves notas vegetais e de especiarias, num fundo dominado pela madeira e por um delicado mas sedutor toque balsâmico, na boca revela complexidade e uma bela acidez, apesar de ser notória a sua juventude, no paladar sobressai a sua forte componente especiada e de frutos pretos, envolvidos com as notas tostadas e fumadas, o final de boca é persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Quinta do Javali LBV 2009 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz; Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinto Cão, Tinta Barroca e Sousão
Produtor: Quinta do Javali
Álcool: 20%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Apresenta uma forte cor rubi, muito concentrada no centro e com uma auréola de tonalidade violeta brilhante, o nariz revela alguma complexidade de aromas, dada a sua juventude, as notas florais e os frutos do bosque surgem timidamente, bem como subtis sugestões vegetais e de especiarias, na boca é um vinho muito fresco, jovem e estruturado, conta com um paladar acima de tudo frutado, embora também sejam perceptíveis delicados apontamentos vegetais e de barrica, o final de boca revela um comprimento e uma persistência bem acima da média.
Classificação Pessoal: 17
Quinta do Javali Vintage 2012 (Porto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz; Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinto Cão, Tinta Barroca e Sousão
Produtor: Quinta do Javali
Álcool: 19.5%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Cor rubi intensa e muito concentrada no centro, com uma celicada auréola avioletada, o nariz apresenta-se cheio de fruta madura, onde se destacam as cerejas e ameixas, envolvidas co subtis nuances especiadas, vegetais e algum floral, na boca é um vinho denso, profundo e muito jovem, revelando um paladar atractivo, muito frutado e delicadamente especiado, o final de boca termina com um comprimento e uma persistência elevados.
Classificação Pessoal: 17

Etiquetas:

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

3431 - Catena Malbec 2011 (Tinto)



Região: Argentina
Castas: Malbec
Produtor: Bodega Catena Zapata
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Alejandro Vigil
Notas de Prova: Cor rubi e nariz bem preenchido por aromas florais e de frutos silvestres, secundado por delicadas mas muito frescas notas vegetais e alguma barrica, na boca é um vinho equilibrado, com taninos redondos e um paladar cheio de fruta madura, especiarias e suaves notas tostadas, o final de boca tem um comprimento e persistência ligeiramente acima da média.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Fevereiro 2014

Rótulo: The Catena Family, since 1902: Argentina's Malbec Pioneer. For over four generations, the Catena Family has grown vines in the foothills of the Andes mountains. Catena Malbec is sourced from the family's historic high-altitude vineyards in Mendoza, Argentina. From the marriage of these historic parcels emerges a wine of unique character that has natural balance, concentration and a distinct varietal identity.

Etiquetas: , , , , ,

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

3430 - Paisajes La Pasada 2011 (Tinto)



Região: Espanha
Castas: Tempranillo
Produtor: Paisajes y Viñedos
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Miguel Ángel de Gregorio
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi muito concentrada no centro, praticamente opaca e um rebordo de leve tonalidade violácea, no nariz a elegância da fruta preta envolvida por evidentes mas sedutoras notas de barrica e diversas especiarias, formam um conjunto muito complexo, atractivo e harmonioso, muito bem apoiado por delicadas notas especiadas e balsâmicas, na boca é um vinho denso, encorpado e volumoso, com taninos sólidos, fruto da sua juventude, a aparecerem muito bem integrados num paladar rico em fruta negra madura, especiarias e barrica, bem como subtis nuances minerais e de tosta, termina com um final de boca longo e de enorme persistência.

Classificação Pessoal: ......................................18
• Data da Prova: Dezembro 2014

Rótulo: Tempranillo. Viñedos en el Municipio de Briones. 2.480 botellas, 100 Magnum.

Etiquetas: , , , , ,

domingo, 28 de dezembro de 2014

3429 - Quinta do Alqueve Fernão Pires 2012 (Branco)



Região: DOC Tejo
Castas: Fernão Pires
Produtor: Pinhal da Torre
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Rita Conim Pinto
Notas de Prova: Cor citrina e nariz muito aromático, onde as notas florais se misturam com a fruta tropical, delicadas sugestões minerais e um leve toque citrino, na boca é um vinho equilibrado, com uma acidez bem presente, conta com um paladar frutado e mineral, além de ligeiramente vegetal, termina com um final de boca de comprimendo mediano e uma persistência de expressão média/alta.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Fevereiro 2015

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Janeiro 2014

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

Prova dos Vinhos Herdade de Rio Frio, branco e tinto, da colheita de 2013 (Set/2014)


No passado dia 09/09/2014, realizei uma Prova dos vinhos branco e tinto, Herdade de Rio Frio 2013, do produtor Sociedade Agricola de Rio Frio S.A. da região Península de Setúbal.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Sociedade Agricola de Rio Frio S.A. pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Herdade de Rio Frio 2013 (Branco)

Região: Regional Península de Setúbal
Castas:
Verdelho, Arinto e Fernão Pires
Produtor: Sociedade Agricola de Rio Frio S.A.
Álcool: 12.5%
Enólogo: Mário Andrade
Nota de Prova: Cor citrina e nariz agradavelmente preenchido pelos aromas florais e de fruta tropical, além de subtis sugestões limonadas, na boca é um vinho fresco e equilibrado, com uma bela acidez e um paladar rico em fruta tropical madura e evidentes notas cítricas, terminando com um final de boca mediano.
Classificação Pessoal: 15.5
Herdade de Rio Frio 2013 (Tinto)

Região: Regional Península de Setúbal
Castas:
Syrah, Touriga Franca e Merlot
Produtor: Sociedade Agricola de Rio Frio S.A.
Álcool: 13.5%
Enólogo: Mário Andrade
Nota de Prova: Cor granada intensa e nariz agradavelmente preenchido por aromas de fruta madura e delicadas nuances vegetais e até apimentadas, na boca é um vinho guloso, com taninos redondos e um paladar dominado pela fruta preta e por subtis nuances especiadas, termina com um final de boca de comprimento mediano.
Classificação Pessoal: 15

Etiquetas:

sábado, 27 de dezembro de 2014

3428 - Toques et Clochers Limoux Méditerranéen 2009 (Branco)



Região: França
Castas: Chardonnay
Produtor: Caves du Sieur d'Arques
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Laurent Mingaud
Notas de Prova: Apresenta uma cor amarelo palha e um nariz rico em notas minerais, fruta madura e nuances citrinas, num fundo mais especiado e fumado, na boca é um vinho equilibrado e saboroso, com uma ligeira evolução mas ainda bem complexo e harmonioso, revela um paladar mais cítrico e mineral, além de delicadamente vegetal e seco, o final de boca tem um comprimento e uma persistência bem interessantes.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Janeiro 2014

Rótulo: Les parcelles de Chardonnay sélectionnées en terroir Autan se situent sur les coteaux ceinturant Limoux, au couer même de l'Appelation. Le climat y est chaud, secs, favorisant une maturité précoce, renforcée par des sols de graves, secs et peu profonds. Vinifié et élevé en barriques, ce vin possède une robe jaune à reflets or, un bouquet intense et riche de fruits confits, laissant la place à, une bouche ample, harmonieuse et fruitée. Servir à 13º-14ºC. S'apprécie également après plusieurs années de garde (2 à 3 ans).

Etiquetas: , , , , ,

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

3427 - Quinta de Cidrô Gewurztraminer 2012 (Branco)



Região: Regional Douro
Castas: Gewurztraminer
Produtor: Real Companhia Velha - Companhia Geral da Agricultura das Vinhas do Alto Douro, S.A
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13%
Enólogo: Jorge Moreira
Notas de Prova: Cor palha com delicados laivos esverdeados e nariz rico em notas de líchias e fruta tropical, apoiados num ligeiro mineral, na boca é um vinho suave, fresco e com um paladar frutado e ligeiramente seco, além de vegetal, termina com um final de boca de comprimento mediano.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Janeiro 2014

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............16.5
• Data da Revista: Outubro 2013 / Dezembro 2013

Classificação Revista Escanção: ........................86*
• Data da Prova: Setembro 2013 / Outubro 2013
* Classificação de 0-100


Rótulo: Este Gewurztraminer evidencia a originalidade dos sabores e aromas característicos desta casta, ao mesmo tempo que o "terroir" da Quinta de Cidrô lhe impõeum carácter duriense bem patente em termos de estrutura, mineralidade e acidez; coroado com um final de prova longo e seco.

Etiquetas: , , , , ,

quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

3426 - Luis Filipe Edwards Doña Bernarda 2010 (Tinto)



Região: Chile
Castas: Cabernet Sauvignon, Carménère, Mourvèdre, Petit Syrah, Petit Verdot e Syrah
Produtor: Viña Luis Felipe Edwards Ltda
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Nicolas Bizzarri e Christian Rojas
Notas de Prova: Cor rubi praticamente opaca no centro e nariz exuberante, onde os aromas de pimento verde, menta e frutos do bosque combinam na perfeição com a barrica de qualidade, fazendo lembrar até madeira exótica, delicadas nuances fumadas e generosas sugestões balsâmicas e de resina, na boca é um vinho muito jovem, volumoso e com taninos aguerridos e uma complexidade profunda, conta com um paladar marcado pela fruta negra, diversas especiarias e um toque apimentado bem presente, o final de boca é longo e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Abril 2014

Rótulo: This wine is made from hand-picked grapes grown on the top hillside vineyards of our estate in the Colchagua Valley. "Doña Bernarda" is the hallmark wine of Luis Filipe Edwards and a tribute to his wife. All our efforts and hopes have been bottled in this wine. It is a vigorous, complex wine based on Cabernet Sauvignon blended with the outstanding red varieties of each vintage and aged for 18 months in new French barrels. This botlle may be drunk immediately, or if you prefer to age it further i your cellar it will mature and improve, enabling you to appreciate it at its very best. We recommend opening Doña Bernarda af least 30 minutes before serving in order for it to develop a fuller flavour and greater elegance. Serve at 18ºC. A good partner for red meats, mature cheeses and game dishes.

Etiquetas: , , , , , , , , ,

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

3425 - Titular 2012 (Branco)



Região: DOC Dão
Castas: Encruzado, Malvasia Fina e Bical
Produtor: Caminhos Cruzados, Lda
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 12.5%
Enólogo: António Narciso
Notas de Prova: Cor amarelo citrino e nariz delicado, onde os aromas florais se misturam com suaves notas cítricas e minerais, na boca é um vinho fresco, com uma acidez agradável e um corpo com um volume bem agradável, revela um paladar mineral, limonado e ligeiramente frutado, terminando com um final de boca de comprimento médio e persistência muito interessante.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Fevereiro 2014

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Outubro 2013

Rótulo: Encruzado, Malvasia Fina e Bical. De aspecto citrino, apresenta uma boa acidez e aroma fresco e frutado. Na boca apresenta-se bem fresco com alguma estrutura e volume. Notas: teve apenas estabilização natural, pelo que é susceptível de criar ligeiro depósito. Servir a 8-10ºC, acompanhando pratos de peixe e carnes leves. Titular: Deixamos nas nossas terras histórias de gerações de que o vinho volte a ser titular de muitas e boas notícias. Caminhos Cruzados "No ano da graça de dois mil e doze pela vontade dos homens nasceu a adega Caminhos Cruzados, que se dedica à elaboração de vinhos nascidos de uma criteriosa selecção das melhores castas portuguesas e dos saberes de gerações".

Etiquetas: , , , , , ,

Prova do Vinho espumante Lancers Bruto Rosé (Set/2014)


No passado dia 15/09/2014, realizei uma Prova do vinho espumante Lancers Bruto Rosé do produtor José Maria da Fonseca Vinhos, S.A. da região de Península de Setúbal.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao produtor José Maria da Fonseca Vinhos, S.A. pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Lancers Bruto Rosé (Espumante)

Região: Regional Península de Setúbal
Castas:
Castelão e Syrah
Produtor: José Maria da Fonseca Vinhos, S.A.
Álcool: 11%
Enólogo: Domingos Soares Franco
Nota de Prova: Apresenta uma delicada cor salmão e um nariz rico em aromas de fruta vermelha, nomeadamente morangos e framboesas, envolvidos em subtis sugestões florais, na boca revela uma bolha mediana, uma acidez equilibrada e uma frescura interessante, no paladar destaca-se novamente a fruta vermelha e o final de boca é curto mas bem agradável.
Classificação Pessoal: 15.5

Etiquetas:

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

3424 - Mâcon-Chaintré 2008 (Branco)



Região: França
Castas: Chardonnay
Produtor: Dominique Cornin
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 13%
Enólogo: Nicolas Cheveau
Notas de Prova: Cor amarelo dourado e nariz ligeiramente evoluído, onde os aromas de mel e ligeiramente minerais combinam com alguma tosta e frutos secos, na boca é um vinho com alguma estrutura e complexidade, com um paladar especiado e melado, além de ligeiramente amanteigado, termina com um final de boca de comprimento médio.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Janeiro 2014

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Abril 2010

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

3423 - Quinta do Alqueve Tradicional 2010 (Tinto)



Região: Regional Tejo
Castas: Touriga Nacional, Trincadeira, Tinta Roriz e Castelão
Produtor: Pinhal da Torre
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Rita Conim Pinto
Notas de Prova: Cor rubi de tonalidade avermelhada, no nariz o destaque vai para os aromas de frutos pretos e especiarias, envolvidos com um delicado toque apimentado e tostado, na boca é um vinho delicado, de volume médio e taninos redondos, conta com um paladar frutado, ligeiramente especiado e terroso, terminando com um comprimento curto/médio.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Janeiro 2014

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , , , ,

domingo, 21 de dezembro de 2014

3422 - Susana Balbo Signature Malbec 2010 (Tinto)



Região: Argentina
Castas: Malbec e Cabernet Sauvignon
Produtor: Dominio Del Plata
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Susana Balbo
Notas de Prova: Cor rubi intensa e nariz cheio de aromas de frutos pretos e do bosque, envolvidos por delicadas notas fumadas, especiadas e balsâmicas, na boca é um vinho guloso e relativamente complexo, com taninos polidos e um paladar dominado pela fruta e por sugestivas notas de chocolate e especiarias, termina com um final de boca de comprimento médio/longo.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Junho 2015

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Dezembro 2014

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Dezembro 2012

Classificação Revista Escanção: ........................80*
• Data da Prova: Janeiro 2013 / Fevereiro 2013
* Classificação de 0-100


Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Janeiro 2013

Rótulo: Over the last years , I have made wine for my family for many other wineries both in Argentina and around the world. I am proud to offer the best of what I can produce under my signature label. This Malbec (95%) and Cabernet Sauvignon (5%) was grown at over 1,000 metres elevation in high desert vineyards in Mendoza's Agrelo district and was aged in 80% New French and 20% second year French oak barrels for 13 months. It is a wine that expresses all the complexity, elegance and enjoyment that Argentine Malbec can offer. This wine eas bottled unfined and unfiltered.

Etiquetas: , , , , , ,

Prova do Vinho branco Dona Matilde 2013 (Set/2014)


No passado dia 07/09/2014, realizei uma Prova do Vinho branco Dona Matilde 2013 do produtor Dona Matilde do Douro.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Quinta Dona Matilde pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Dona Matilde 2013 (Branco)

Região: DOC Douro
Castas:
Arinto, Viosinho, Gouveio e Rabigato
Produtor: Quinta Dona Matilde
Álcool: 13.5%
Enólogo: João Pissarra e José Maria Machado
Nota de Prova: Cor amarela e nariz rico em fruta madura e suaves aromas florais e citrinos, na boca é um vinho com um agradável volume e uma acidez interessante, conta com um paladar marcado pelas notas cítricas e minerais, bem como fruta madura, o final de boca revela um comprimento de expressão média.
Classificação Pessoal: 15.5

Etiquetas:

sábado, 20 de dezembro de 2014

3421 - Quinta de São João Syrah 2008 (Tinto)



Região: DOC Tejo
Castas: Syrah
Produtor: Pinhal da Torre
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Rita Conim Pinto
Notas de Prova: Cor granada intensa e nariz fino, onde os aromas de baunilha e fruta bem madura, se misturam com nuances de cacau, especiarias e um leve toque mentolado e tostado, na boca é um vinho complexo, volumoso e encorpado, com um paladar cheio de fruta negra e notas achocolatadas, bem como uma leve sensação terrosa e especiada, o final de boca é prolongado.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Janeiro 2014

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Agosto 2011

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

3420 - Domaine Moutard Diligent Chablis 1er Cru 2010 (Branco)



Região: França
Castas: Chardonnay
Produtor: Domaine Moutard Diligent
Preço: Entre 25€ e 50€
Álcool: 12%
Enólogo: Patrick Piuze
Notas de Prova: Cor amarela intensa, com uma certa tonalidade dourada, no nariz revela complexidade e elegância, com a fruta madura e delicadas notas de barrica muito bem casadas com uma envolvente mineralidade, na boca é um vinho cremoso, amanteigado e estuturado, onde revela fruta muito madura, amparada por delicadas notas de especiarias e alguns frutos secos e sugestões vegetais e cítricas, o final de boca é prolongado.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Fevereiro 2014

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

3419 - Joaquim Costa Vargas 2011 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Syrah, Aragonez e Trincadeira
Produtor: Alenvinus, Lda
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 14%
Enólogo: António Saramago
Notas de Prova: Cor rubi de tonalidade avermelhada e nariz medianament preenchido por aromas de fruta vermelha, algum vegetal e um leve toque especiado, na boca é um vinho equilibrado, com taninos firmes e um paladar dominado pela fruta preta madura e leves sugestões especiadas, termina com um final de boca médio.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Janeiro 2014

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , , ,

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

3418 - Villa Antinori 2008 (Tinto)



Região: Itália
Castas: Sangiovese, Merlot, Cabernet Sauvignon e Syrah
Produtor: Marchesi Antinori S.R.L.
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Renzo Cotarella
Notas de Prova: Cor avermelhada e nariz fino e delicado, onde os aromas de especiarias e menta se confundem com delicadas nuances de fruta vermelha madura, tosta e algum chocolate, na boca é um vinho elegante, muito equilibrado e com uma agradável estrutura, conta com um paladar frutado, ligeiramente apimentado e terroso, a barrica confere elegância e profundidade a um vinho que termina longo e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Abril 2014

Rótulo: Prodotto con uve autoctone ed internazionali tradizionalmente coltivate in Toscana e provenienti dai nostri vigneti. Il vino viene affinato per circa 12 mesi in piccole botti di rovere e per almeno altri 8 mesi in bottiglia.

Etiquetas: , , , , , , ,

Prova dos Vinhos Monte Velho, branco e tinto, da colheita de 2013 (Ago/2014)


No passado dia 23/08/2014, realizei uma Prova dos vinhos branco e tinto, Monte Velho 2013, do produtor alentejano Esporão.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Esporão S.A. pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Monte Velho 2013 (Branco)

Região: Regional Alentejo
Castas:
Antão Vaz, Perrum e Arinto
Produtor: Esporão S.A.
Álcool: 13.5%
Enólogo: David Baverstock e Sandra Alves
Nota de Prova: Cor amarela e nariz agradavelmente preenchido por aromas florais e citrinos, aliados a evidentes sugestões de fruta tropical madura, na boca é um vinho fresco, com uma acidez equilibrada e um paladar de perfil frutado e seco, além de levemente limonado e floral, termina com um final de boca de comprimento curto/médio.
Classificação Pessoal: 15
Monte Velho 2013 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas:
Aragonez, Trincadeira, Touriga Nacional e Syrah
Produtor: Esporão S.A.
Álcool: 13.5%
Enólogo: David Baverstock e Luís Patrão
Nota de Prova: Cor rubi de média intensidade e nariz preenchido por aromas de fruta vermelha acompanhadas por delicadas sugestões vegetais e de especiarias, além de um leve toque floral, na boca é um vinho correcto, com uma estrutura simples e uma acidez viva, revela um paladar muito frutado e ligeiramente vegetal, terminando com um final de boca de comprimento curto/médio.
Classificação Pessoal: 14.5

Etiquetas:

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

3417 - Kopke Reserva 2008 (Branco)



Região: DOC Douro
Castas: Viosinho, Arinto e Folgasão
Produtor: C. N. Kopke & Cª. Lda
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 13%
Enólogo: Francisco Gonçalves
Notas de Prova: Cor amarela de forte intensidade e nariz já com alguma evolução, onde as notas meladas e de fruta bem madura se misturam com alguns frutos secos e um leve toque de madeira, na boca revela-se muito delicado, sem garra e de estrutura simples, a evolução é notória e o paladar apenas apresenta delicadas notas de fruta já muito madura, termina com um final seco e muito curto.

Classificação Pessoal: ......................................13.5
• Data da Prova: Janeiro 2014

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Abril 2010

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.3
• Data da Revista: Abril 2010

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Novembro 2009

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............15
• Data da Revista: Outubro 2009

Rótulo: Este Kopke DOC Douro deve o seu nome à casa mais antiga de vinho do Porto. O Kopke Reserva Branco apresenta aromas minerais, muita fruta, algumas notas a flores e com algumas nunaces de tosta fina muito bem integradas. A boca é rica, quente e envolvente, denunciando as notas de fruta e mineralidade. Apresenta ainda um excelente, harmonioso e persistente final. As castas presentes são: Viosinho, Arinto e Folgazão provenientes do excelente terroir da sub-região duriense do Cima-Corgo. Estagia 6 meses em barricas de Carvalho Francês com "battonage".

Etiquetas: , , , , , ,

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

3416 - Afincado Single Vineyard Malbec 2006 (Tinto)



Região: Argentina
Castas: Malbec
Produtor: Bodega Terrazas de Los Andes
Preço: Entre 25€ e 50€
Álcool: 14%
Enólogo: Adrián Meyer
Notas de Prova: Cor violeta/avermelhada muito carregada e nariz cheio de frutos pretos e silvestres, notas florais, algum caramelo e delicadas sugestões de fumados, baunilha e diversas especiarias, na boca é um vinho estruturado e complexo, além de encorpado, volumoso e muito elegante, conta com um paladar fino, com a fruta negra dominante e a madeira muito bem integrada, o final de boca é longo e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17.5
• Data da Prova: Fevereiro 2014

Rótulo: Terrazas de los Andes grows its grapes at the ideal altitude for each variety, enabling for the maximum expression of aromas and flavours in our wines. Our vineyrd "Finca Las Compuertas" is located at 1,067 metres above sea level in the district of Vistalba, Mendoza. Its 1929 vines are descendents of Bourdeaux clones introduced by Michel Pouget in the XIX Century. The passion and commitment of our winemaking team, combined with the natural advantages of our high elevation vineyards, allow us to preserve intact the outstading characteristics of this noble variety. In this unique location, within a careffuly selected vineyard parcel, man and nature become one to produce our Afincado Malbec - a wine of outstading varietal expression. In Spanish, Afincado means "to be settled and established in a particular place". Vineyard: Shallow, sand-free, permeable soils. Considerable variation between daytime and nighttime temperatures 14ºC (57ºF). Vines irrigated by traditional canlas fed by Andes Mountain snow melt. Maceration: Delestage and manual pigeage. Ageing: 18 months in new French oak barrels. Colour: Deep, dark red with purple shades. Aroma: Highly expressive and boldly complex, the wine's evocative fruit bouquet delivers a blend of black cherries and dry plums, followed by caramel and smoky accents. Violet floral notes delineate the typical character of the Malbec variety. Palate: Impressive structure and concentration, with mature and powerful tannins. An elegant and complex wine with hints of plums, blackberries and cherries amidst ever present floral notes. While a highly enjoyable experience upon release, ageing of 15-20 years will evolve the wine more subtle, complex flavours. Served best when decanted for up to two hours.

Etiquetas: , , , , ,

domingo, 14 de dezembro de 2014

3415 - Vinha da Defesa 2011 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional e Syrah
Produtor: Esporão S.A.
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 14.5%
Enólogo: David Baverstock e Luís Patrão
Notas de Prova: Cor rubi de média intensidade e nariz dominado pelos aromas florais e de fruta madura, apoiados por um leve toque apimentado, na boca é um vinho delicado, suave e com uns taninos muito redondos, a fruta está claramente em evidência, num paladar correcto e estutura simples, o final de boca revela um comprimento médio.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Fevereiro 2014

Rótulo: Produzido na Herdade do Esporão, o Vinha da Defesa Tinto é um vinho intenso e robusto, que evidencia o aroma a frutos do bosque da casta Touriga Nacional combinado com o paladar rico e denso da casta Syrah. Deve ser consumido à temperatura de 16ºC.

Etiquetas: , , , , ,

Prova do Vinho tinto Vila Flor Reserva 2011 (Set/2014)


No passado dia 07/09/2014, realizei uma Prova do Vinho tinto Vila Flor Reserva 2011 do produtor Casa d'Arrochella do Douro.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Sociedade Agrícola da Casa d'Arrochella, Lda pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Vila Flor Reserva 2011 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Touriga Franca, Touriga Nacional e Tinta Roriz
Produtor: Sociedade Agrícola da Casa d'Arrochella, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Luís Soares Duarte
Nota de Prova: Cor rubi de média intensidade e nariz agradavelmente preenchido por aromas de frutos do bosque e notas florais, misturados com delicadas sugestões vegetais e de especiarias, na boca é um vinho equilibrado, com taninos redondos e um volume mediano, revela um paladar frutado e floral, além de delicadas sugestões de tosta e especiarias, termina com um final de boca de comprimento curto/médio.
Classificação Pessoal: 15.5

Etiquetas:

sábado, 13 de dezembro de 2014

3414 - Quinta da Badula Reserva 2010 (Tinto)



Região: Regional Tejo
Castas: Touriga Nacional, Syrah e Alicante Bouschet
Produtor: Quinta da Badula, Lda
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 14%
Enólogo: António Ventura
Notas de Prova: Cor densa e um nariz marcado pela fruta preta, notas de tosta e imensos fumados, na boca os taninos revelam alguma presença e apresenta-se um vinho com algum corpo e um volume médio, no paladar destaca-se a fruta preta, delicadas notas florais e um toque de cacau bem visível, termina com um final de boca de comprimento médio/alto e uma agradável persistência.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Fevereiro 2014

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.5
• Data da Revista: Dezembro 2013 / Setembro 2014

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Março 2013

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.5
• Data da Revista: Junho 2013 / Julho 2013

Rótulo: Este vinho resulta da combinação das castas Touriga Nacional, Syrah e Alicante Bouschet provenientes de solos pobres, arenosos e com produções controladas. De acordo com os métodos tradicionais as uvas foram colhidas à mão, e a fermentação a uma temperatura controlada (26ºC) decorreu em pequenos lagares de inox, com pisa a pé. Após a fermentação maloláctica estagiou durante 12 meses em barricas novas de Carvalho Francês (60%) e Americano (40%). Aconselha-se o consumo à temperatura de 16ºC acompanhando queijos de pasta mole ou pratos de caça grossa. Este vinho não foi filtrado pelo que com o seu envelhecimento apresentará ligeiro depósito.

Etiquetas: , , , , , ,

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

3413 - Quinta de Santiago Alvarinho 2012 (Branco)



Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Nenufar Real Sociedade Agrícola, Lda
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13.5%
Enólogo: José Domingues
Notas de Prova: Cor citrina e nariz fresco, onde predominam os aromas florais, a fruta tropical e delicadas notas cítricas e minerais, na boca é um vinho equilibrado e relativamente complexo, conta com uma acidez bem interessante e um paladar frutado, floral e acima de tudo mineral, o final de boca tem um comprimento e persistência acima da média.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Janeiro 2014

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Setembro 2014

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............16
• Data da Revista: Julho 2014 / Agosto 2014

Rótulo: A modernidade e legado de gerações que se dedicaram com alma e sabedoria à cultura da mais nobre das castas brancas portuguesas - o Alvarinho - dão glória ao néctar singular produzido nesta centenária "Quinta de Santiago". Aspeto citrino com ligeiros tons de palha aberto. Aroma elegante, complexo, floral com notas tostadas, lichia, flor de laranjeira, surgindo com o tempo algumas notas de jasmim e mel. Em boca é equilibrado, encorpado e persistente com uma frescura e mineralidade características da casta e do terroir. Enólogo: José Domingues.

Etiquetas: , , , , ,

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

3412 - Meruge 2010 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Touriga Franca, Touriga Nacional e Vinhas Velhas
Produtor: Lavradores de Feitoria, Vinhos de Quinta S.A.
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Paulo Ruão
Notas de Prova: Apresenta uma bonita cor rubi e uma delicada auréola de tonalidade avermelhada, o nariz revela elegantes aromas de fruta vermelha misturadas com sugestivas notas de especiarias, algum vegetal e ainda um leve toque mineral, num fundo dominado pela barrica e por uma subtil nuance de couro, na boca é um vinho encorpado e muito redondo, com taninos finos e um paladar cheio de fruta madura, notas de pimenta e um leve toque vegetal seco, termina de uma forma prolongada.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Janeiro 2014

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Março 2014

Rótulo: A Lavradores de Feitoria reúne as novas gerações do Douro: vitivinicultores, proprietários de quintas nas três sub-regiões e profissionais de enologia, marketing e gestão. As uvas que fazem este Meruge 2010 cresceram em duas vinhas de características muito distintas, ambas situadas no Cima Corgo. De uma vinha velha e outra nova foram cuidadosamente vindimadas as melhores. Tinta Roriz, Toriga Franca e Touriga Nacional, maturidade e juventude, estilos que se complementam, vinhos que se equilinbram.

Etiquetas: , , , , , , ,

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

3411 - Adega Cooperativa de Borba Garrafeira 2003 (Tinto)



Região: DOC Alentejo
Castas: Aragonez, Trincadeira e Alicate Bouschet
Produtor: Adega Cooperativa de Borba, C.R.L.
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Óscar Gato
Notas de Prova: Apresenta uma cor granada no centro e uma auréola de tonalidade atijolada, o nariz revela sugestivos aromas de fruta madura envolvidas com um delicado toque fumado e de couro, vegetal seco e notas balsâmicas, num fundo algo terroso, na boca é um vinho com algum corpo, volume acima da média e um paladar ligeiramente alicorado, especiado, onde se destaca pimenta e ainda um leve toque frutado, o final de boca é seco e de comprimento médio/alto.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Fevereiro 2014

Rótulo: Proveniente das vinhas mais antigas da sub-região de Borba, este vinho Garrafeira foi produzido a partir das castas Aragonez, Trincadeira e Alicate Bouschet, estagiou 12 meses em barricas de carvalho francês e americano, seguindo-se um estágio final em cave de 60 meses em garrafa. Este vinho Garrafeira apresenta uma cor granada, ao aroma evidenciam-se frutos pretos bem maduros, frutos secos, especiarias e folha de tabaco, ao sabor é macio com frescura a frutos vermelhos, sobressaem o chocolate, uma ligeira tosta, e café, com estrutura e equilíbrio a persistirem longamente.

Etiquetas: , , , , , ,

Prova de Vinhos Malhadinha na Delidelux (Jun/2014)


No passado dia 05/06/2014 na Garrafeira Delidelux em Lisboa, teve lugar a Apresentação de alguns vinhos do produtor Herdade da Malhadinha Nova da região do Alentejo.
Esta prova foi efectuada com a apresentação de 9 vinhos, 1 rosé, 4 brancos e 4 tintos.


Prova comentada pela Enóloga Filipa Silva.

Monte da Peceguina 2013 (Rosé)

Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional, Aragonez, Tinta Miúda e Syrah
Produtor: Herdade da Malhadinha Nova, SA
Álcool: 13%
Enólogo: Luís Duarte, Nuno Gonzalez e Filipa Silva
Nota de Prova: Cor delicadamente avermelhada e rosa, o nariz revela frescos aromas de fruta vermelha, nomeadamente morangos, misturados de uma forma bem interessante com as notas florais, na boca é um vinho equilibrado, leve e com uma acidez bem simpática, no paladar destaca-se a fruta e delicadas notas vegetais e florais, terminando com um final de boca algo seco e de comprimento médio.
Classificação Pessoal: 15.5
Monte da Peceguina 2013 (Branco)

Região: Regional Alentejo
Castas: Antão Vaz, Verdelho, Roupeiro e Arinto
Produtor: Herdade da Malhadinha Nova, SA
Álcool: 13%
Enólogo: Luís Duarte, Nuno Gonzalez e Filipa Silva
Nota de Prova: Cor citrina com delicados apontamentos esverdeados, no nariz sobressai a componente floral e cítrica, bem como delicadas notas vegetais, na boca é um vinho muito fresco, com uma acidez agradável e um paladar rico em sugestões de citrinos e algum vegetal, o final de boca tem um comprimento e uma persistência de expressão média.
Classificação Pessoal: 15.5
Verdelho da Peceguina 2013 (Branco)

Região: Regional Alentejo
Castas: Verdelho
Produtor: Herdade da Malhadinha Nova, SA
Álcool: 13%
Enólogo: Luís Duarte, Nuno Gonzalez e Filipa Silva
Nota de Prova: Apresenta uma cor amarelo cítrico, levemente esverdeado, no nariz dominam os aromas vegetais, envolvidos pela fruta madura e por delicadas notas minerais e limonadas, na boca é um vinho vivo, com uma bela acidez e um paladar muito mineral e vegetal, apoiado em delicados apontamentos cítricos e de fruta, o final de boca revela um comprimento médio/alto.
Classificação Pessoal: 16
Antão Vaz da Peceguina 2013 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Antão Vaz
Produtor: Herdade da Malhadinha Nova, SA
Álcool: 13.5%
Enólogo: Luís Duarte, Nuno Gonzalez e Filipa Silva
Nota de Prova: Cor de tonalidade amarela e nariz muito frutado, além de floral e ligeiramente citrino, na boca é um vinho muito interessante, harmonioso e fresco, com sugestivas notas de fruta madura e alguns citrinos, o final de boca é relativamente longo e apresenta uma interessante persistência.
Classificação Pessoal: 16
Monte da Peceguina 2012 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional, Alicante Bouschet, Trincadeira e Syrah
Produtor: Herdade da Malhadinha Nova, SA
Álcool: 14%
Enólogo: Luís Duarte, Nuno Gonzalez e Filipa Silva
Nota de Prova: Cor rubi avioletada e nariz rico em notas florais e frutos silvestres agradavelmente envolvidos com delicadas notas especiadas, tostadas e até vegetais, na boca é um vinho muito equilibrado, com taninos algo firmes mas nada pesados e um paladar acima de tudo frutado, além de ligeiramente especiado e tostado, o final de boca tem um comprimento mediano e uma persistência acima da média.
Classificação Pessoal: 15.5
Touriga Nacional da Peceguina 2011 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Herdade da Malhadinha Nova, SA
Álcool: 15%
Enólogo: Luís Duarte e Pedro Garcia
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi muito concentrada e uma nariz rico em aromas florais e frutos do bosque muito bem envolvidos por uma fina e elegante tosta, na boca é um vinho estruturado, com taninos bem presentes e um volume muito agradável, no paladar destaca-se a fruta madura e delicadas notas de especiarias, com a madeira agradavelmente integrada, o final de boca tem um comprimento e uma persistência elevadas.
Classificação Pessoal: 16.5
Touriga Nacional da Peceguina 2010 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Herdade da Malhadinha Nova, SA
Álcool: 14.5%
Enólogo: Luís Duarte e Pedro Garcia
Nota de Prova: Cor rubi no centro e auréola levemente granada, o nariz revela sugestivos aromas florais agradavelmente misturados com a fruta vermelha madura e delicadas notas de barrica, na boca é um vinho muito interessante, com taninos já redondos e um paladar acima de tudo muito frutado e especiado, onde a madeira denota uma bela integração com a fruta, o final de boca é prolongado.
Classificação Pessoal: 16.5
Malhadinha 2011 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Alicante Bouschet, Tinta Miúda, Touriga Nacional e Cabernet Sauvignon
Produtor: Herdade da Malhadinha Nova, SA
Álcool: 14.5%
Enólogo: Luís Duarte e Pedro Garcia
Nota de Prova: Apresenta um cor de forte tonalidade rubi e um nariz complexo, rico em aromas de fruta vermelha madura e notas vegetais, misturadas com delicadas notas balsâmicas e elegantes sugestões de barrica, na boca é um vinho volumoso e encorpado, com taninos sólidos mas nada cansativos, no paladar destaca-se a fruta madura e a madeira que está muito bem integrada num conjunto atractivo e ainda muito jovem, o final de boca é prolongado e muito persistente.
Classificação Pessoal: 17
Malhadinha Nova Late Harvest 2010 (Branco)

Região: Regional Alentejo
Castas: Petit Manseng
Produtor: Herdade da Malhadinha Nova, SA
Álcool: 13%
Enólogo: Luís Duarte e Pedro Garcia
Nota de Prova: Cor amarelo dourado e nariz dominado pelos aromas de citrinos bem maduros e notas fumadas, tudo muito bem envolvido com leves sensações de mel, alperce e frutos secos, na boca apresenta-se um vinho envolvente e cremoso, com um paladar melado e tostado, agradavelmente acompanhado por breves notas de frutos secos, termina com um final de boca de comprimento médio e uma persistência bem interessante.
Classificação Pessoal: 16

Etiquetas: